segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Toalha de Lavabo com trançado em fitas e vagonite


“A gente não precisa de certezas estáticas. A gente precisa é aprender a manha de saber se reinventar. De se tornar manhã novíssima depois de cada longa noite escura. De duvidar até acreditar com o coração isento das crenças alheias. A gente precisa é saber criar espaço, não importa o tamanho dos apertos.
A gente precisa é de um olhar fresco, que não envelhece,
apesar de tudo o que já viu. E de um amor que não enruga,
apesar das memórias todas na pele do coração.”

Ana Jácomo

7 comentários:

Kaire de Souza Camargo disse...

Ola Màrcia muito linda duas tecnicas juntas,ficou òtima desculpe minha aisencia estou muito enrrolada,esse è o periodo de comprar livros escolares e fico procurando livros usados para economisar aqui sao carissimos.A primeira filha inves ja esta frequentando a 15 dias a univercidade ou faculdade de lei,ja tem esame de direito publico dia dezoito de dezembro,te mando um abraço Kaire.

Luna disse...

é importante nos reinventarmos dia a dia a vida é para ser vivida em felicidade
beijinhos

Lucia Maria disse...

Olá, Márcia! Perfeito, de muita criatividade! Amei o gráfico dos peixinhos já copiei, ótima semana tudo de bom.

Vera "entrelinhas" disse...

Que gracinha seu blog!
Adorei conhecer.
Parabéns pelos lindos posts, seus trabalhos estão super fofos...amei...
seguindo, claro,e te convido a conhecer meu cantinho tambem...

Beijinhos e uma boa semana,
Vera

✿MIUÍKA✿ disse...

Querida amiga,adoro os trabalhos em vagonite,são lindos,obrigada pela tua visita.
Um beijão.
Miuíka

Lú, Lãs e Linhas disse...

Oi flor!!!!
Vim avisar que indiquei seu blog ao prêmio Dardos.
Passa no meu blog e pegue o selinho.Tem umas regrinhas para seguir, mas são simples.
Um bjão

Graça Tristão disse...

Márcia, arteirices lindas sempre... adoro vagonite! E essa reflexão é pra lá de verdade... é para se ler sempre!
Paz e Luz
Bjcas
Graça